Sporting-FC Porto, 0-0, um clássico sem historia


FC Porto e Sporting empataram sem golos no Estádio de Alvalade, os dragões interromperam uma série de 18 jogos consecutivos a vencer em todas as competições, mas mantêm a liderança isolada do campeonato no final da primeira volta…

Sporting e FC Porto protagonizaram, na tarde deste sábado, um Clássico de alta intensidade mas… sem golos. As duas equipas não foram além de um nulo (0-0), em jogo referente à 17.ª jornada da I Liga. O resultado deixa assim a distância pontual fixada nos oito pontos.

Jogo muito tático em Alvalade, com as duas equipas a não mostrarem argumentos para superar o rival em campo. Casillas e Renan tornaram-se heróis no encontro, ao realizar defesas de outro mundo aos poucos momentos de inspiração dos ataques dos leões e dragões.

Com este empate, o FC Porto, que finda o registo de 19 vitórias consecutivas, soma 43 pontos, mais cinco do que o Benfica e mais seis do que o Sp. Braga. Os dragões acumulavam um saldo de 18 vitórias consecutivas que tinha começado após a derrota na Luz, em Lisboa.

Hugo Miguel, da associação de Lisboa, dirigiu o encontro entre o Sporting e o FC Porto, o lisboeta foi assistido por Ricardo Santos e Bruno Trindade, com Tiago Martins, também da associação de Lisboa, a ser o videoárbitro.

Num duelo muito faltoso, Hugo Miguel, perdoou o segundo cartão amarelo a Bruno Fernandes, que fez falta sobre Herrera num contra-ataque potencialmente perigoso conduzido pelo capitão portista (45m+1).

Estádio de Alvalade – Sporting-FC Porto, 0-0

FC Porto: Casillas; Maxi (Óliver Torres, 43m), Felipe, Militão e Alex Telles; Corona, Herrera, Danilo (Hernâni, 83m) e Brahimi; Marega e Soares (Fernando Andrade, 75m).
Suplentes: Vaná, Pepe, Mbemba, Óliver, Hernâni, Fernando Andrade e André Pereira.
Treinador: Sérgio Conceição.


Veja os melhores momentos

Notícias Populares