FC Porto-Vitória (4-2) reviravolta e novamente na liderança

FC Porto-Vitória - reviravolta - liderança

O FC Porto não vacilou perante as vitórias dos rivais e recuperou a liderança, com mais dois pontos do que o Sporting e cinco do que o Benfica. Os dragões venceram o V. Guimarães por 4-2, em partida da 17.ª jornada da Liga. A arbitragem continua a atacar e perdoa castigos ao Vitória…

Os dragões chegam a este jogo com 42 pontos, depois da suada vitória sobre o Feirense. A primeira parte do FC Porto foi um filme negro, soturno, sem chama, a equipa orientada por Sérgio Conceição foi para o intervalo a perder (0-1). Raphinha abriu as contas aos 21 minutos, colocando a formação vimaranense em vantagem.

No segundo tempo, surgiria a resposta azul e branca: Aboubakar empatou, aos 57′, Brahimi completou a reviravolta, aos 62′, e Marega ampliou a diferença com um bis (79′ e 83′). No entanto, aos 87′, Heldon ainda reduziu para 4-2, fixando o resultado final.

Com este resultado, a equipa orientada por Sérgio Conceição passou a somar 45 pontos, mais dois do que o rival Sporting, que ocupa a segunda posição da tabela. O Vitória somou a terceira derrota consecutiva na I Liga e é oitavo, com 23 pontos.

À 17.ª jornada da Liga , este FC Porto tem mais pontos, melhor ataque, melhor defesa, líder desde a primeira jornada. O FC Porto vira o campeonato isolado no comando, algo que não acontecia desde 2010/11, com André Villas-Boas.

A campanha da arbitragem continua, lances a favor dos dragões é para fechar os olhos, o golo de Raphinha é obtido em fora de jogo, lances na área do V.Guimarães, segundo amarelo por mostrar a Rafael Miranda. Artur Soares Dias teve como assistentes Rui Licínio e André Nogueira Dias, enquanto João Pinho será o quarto árbitro. António Nobre foi o videoárbitro, auxiliado por Pedro Martins.

FC Porto: José Sá; Ricardo Pereira, Diego Reyes, Marcano e Alex Telles; Danilo, Óliver, Corona (Hernâni 66m) e Brahimi (Layún 80m); Marega (Soares 83m) e Aboubakar.
Suplentes: Casillas, Maxi, Layún, André André, Sérgio Oliveira, Hernâni e Soares.
Treinador: Sérgio Conceição

Veja os melhores momentos do encontro:


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *