FC Porto-Marítimo 3-0, liderar e pressionar


FC Porto vence Marítimo, no Estádio do Dragão, jogo referente à 26.ª jornada do campeonato e dorme na liderança. Tem agora a palavra o Benfica…

O FC Porto recebe o Marítimo na 26.ª jornada da Liga. Os campeões nacionais venceram em Santa Maria da Feira e entram na próxima ronda em igualdade pontual com o Benfica, no topo da tabela classificativa, embora apresentem desvantagem no confronto direto.

Acompanhe aqui no “Invicta de Azul e Branco” tudo sobre a partida entre FC Porto e Marítimo…

  • FC Porto-Marítimo (antevisão)

    O FC Porto-Marítimo é uma das nove finais até ao final da temporada, os dragões recuperaram na passada semana, com o desaire do Benfica ante o Belenenses, a liderança, ainda que partilhada, da I Liga, pelo que este sábado não podem deixar-se escorregar para manter pressão sobre o rival de Lisboa.

    Numa partida em que esperados muitos adeptos no Dragão, Sérgio Conceição deve apostar no seu onze de gala para ultrapassar um Marítimo. Os azuis e brancos são, teoricamente, favoritos à vitória no jogo, mas será sempre de esperar uma surpresa da equipa de Petit.

    Histórico

    O FC Porto venceu 36 dos 38 jogos realizados frente ao Marítimo, em casa, para a Liga portuguesa, com a equipa insular a garantir dois empates. Na época passada, a equipa portista venceu no Estádio do Dragão por 3-1, com um golo de Diego Reyes e dois de Moussa Marega. Fábio Pacheco reduziu para o Marítimo. Na primeira volta da Liga 2018/19, a 3 de novembro de 2018, Otávio e Marega selaram o triunfo no Funchal, por 2-0.

    Juízes da partida

    João Capela é o juiz escolhido pelo Conselho de Arbitragem para a partida entre FC Porto e Marítimo. Paulo Brás e Jorge Cruz são os juízes auxiliares e Luís Reforço é o quarto árbitro. Bruno Esteves será o VAR e Paulo Ramos o seu assistente.

    Onzes iniciais

    Onze inicial do FC Porto: Casillas; Militão, Felipe, Pepe e Alex Telles; Otávio, Danilo, Herrera e Corona; Marega e Soares.
    Suplentes: Vaná; Maxi Pereira, Brahimi, Oliver, Manafá, Adrián e Fernando Andrade.

    Onze inicial do Marítimo: Charles; Grolli, Lucas Áfrico, Gamboa, Barrera, René Santos, Fabrício, Nanu, China, Getterson e Pelágio.
    Suplentes: Amir; Bebeto, Correa, Rodrigo Pinho, Edgar Costa, Jean Cléber e Joel Tagueu.

  • Porto-Marítimo (ao minuto)

    • 0′ Início do jogo
    • 3′ Grande penalidade de Nanu, indica o árbitro João Capela, por mão do defesa do Marítimo.
    • 4′ João Capela consultou o VAR e vai ver as imagens. Nanu assegura que não jogou a bola com o braço.
    • 6′ Cartão amarelo para Lucas Áfrico por derrube a Marega.
    • 7′ Após consultar o VAR, o árbitro mostrou o cartão vermelho ao jogador do Marítimo
    • 14′ Corona serve Marega, que cruza para o remate de Soares. Fábio China desvia para canto.
    • 17′ Cruzamento de Corona para cabeçada de Marega. Charles defende.
    • 23′ Centro da esquerda e Marega isolado remata às malhas laterais.
    • 27′ Corona entra na área, tenta fazer a bola entrar ao segundo poste, mas o remate sai por cima.
    • 32′ O FC Porto pressiona.
    • 35′ Charles sai da área para pontapear uma bola, esta sobra para Corona, mas o remate sai ao lado.
    • 39′ Jogo interrompido. Fabrício ser assistido, na sequência de um salto com Danilo.
    • 41′ Alex Telles remata para fora.
    • 45′ João Capela indicou quatro minutos de compensação.
    • 45′ Cartão amarelo para Pepe por derrube de Gamboa. O médio do Marítimo tem de ser assistido.
    • 45′ Corona insiste e, depois de ganhar a Fábio China, consegue canto, em disputa com Pelágio.
    • 45′ Na sequência do canto, Herrera atira à barra, na recarga, Danilo marca. O lance é anulado por fora de jogo.
    • 45′ A primeira parte termina como começou, com o marcador a zero.
    • 45′ Inicia a segunda parte, no Dragão.
    • 45′ Sai René Santos entra Jean Cléber.
    • 45′ Sai Pepe entra Wilson Manafá.
    • 48′ O Marítimo ainda não fez qualquer remate, o FC Porto já fez 14.
    • 50′ Remate de Herrera. Passa perto do poste.
    • 53′ João Capela foi ver as imagens do lance, para verificar se houve grande penalidade, no lance de Soares com Gamboa.
    • 54′ João Capela indica grande penalidade, por mão de Gamboa a desviar da baliza o remate de Soares.
    • 55′ Cartão amarelo. Gamboa advertido pelo penálti.
    • 56′ GOLO! 1-0 – Alex Telles inaugura o marcador, de penálti. O lateral atira a bola junto ao poste esquerdo.
    • 60′ 46,413 espetadores no Dragão.
    • 65′ Sai Pelágio entra Jorge Correa.
    • 65′ Novo cruzamento de Marega, este rasteiro, desviado com uma sapatada de Charles e Fabrício tira a bola da área.
    • 69′ Sai Otávio entra Brahimi.
    • 72′ GOLO! 2-0 – Na sequência de um canto, Éder Militão cabeceia para o segundo golo do FC Porto.
    • 73′ Sai Leandro Barrera, entra Rodrigo Pinho.
    • 76′ Sai Herrera entra Óliver Torres.
    • 80′ Jogo interrompido para Charles ser assistido. O guarda-redes chocou com Soares.
    • 83′ Golo anulado a Danilo, por fora de jogo. O árbitro assistente indicou fora de jogo.
    • 84′ Cabeçada de Soares ao poste.
    • 88′ GOLO! 3-0 – Éder Militão lança um ataque rápido que conduz Brahimi ao terceiro golo da noite, a passe de Corona.
    • 90′ Cartão amarelo. Getterson faz falta sobre Corona.
    • 90′ Tal como na primeira parte, haverá quatro minutos de tempo extra.
    • 90′ Terminou a partida. O FC Porto vence o Marítimo, por 3-0.
  • Porto-Marítimo, 3-0 (crónica)

    O FC Porto bateu o Marítimo por 3-0 no Estádio do Dragão, e dorme este sábado na liderança do campeonato, à espera do que fará o Benfica, amanhã, na visita ao Moreirense. A equipa de Petit está no 11º lugar.

    Alex Telles abriu o marcador, aos 57 minutos, na conversão de uma grande penalidade, enquanto Éder Militão aumentou a vantagem do campeão aos 72, antes de Brahimi ficar o resultado final aos 89. O Marítimo ficou reduzido a dez desde o minuto nove por expulsão de Lucas Áfrico.

    Vencer para liderar e pressionar…

    O Marítimo visitava o Dragão à procura de pontos para continuar distante da zona de descida. Mas logo aos oito minutos, Lucas Áfrico foi expulso por travar Marega, o que tornou a tarefa dos verde-rubros hercúlea, quase utópica. João Capela só mostrou o cartão vermelho direto ao defesa do Marítimo após recurso o VAR. Quatro minutos antes, já a tecnologia tinha anulado uma grande penalidade a favor dos portistas.

    No entanto o jogo revelou-se difícil para o FC Porto durante quase uma hora. No entanto, Alex Telles desbloqueou o marcador, iniciou um triunfo seguro e tranquilo que Militão e Brahimi trataram de confirmar à entrada para os vinte minutos finais. A vitória dos dragões é indiscutível e vale a liderança provisória da Liga.

    Estádio do Dragão – Porto-Marítimo, 3-0

    FC Porto: Casillas, Militão, Felipe, Pepe (Manafá, 45m) e Alex Telles, Herrera (Oliver, 76m), Danilo e Otávio (Brahimi, 69m), Corona, Marega e Soares.
    Suplentes: Vaná, Maxi Pereira, Brahimi, Oliver, Manafá, Adrián e Fernando Andrade.
    Treinador: Sérgio Conceição.
    Espectadores: 46,413


    Veja os melhores momentos

Este resultado deixa o FC Porto com 63 pontos, mais três do que o Benfica.

Notícias Populares