Dragão vence Vitória e fica a um ponto do líder


O FC Porto venceu este domingo em Guimarães o Vitória local, por 2-1, ficando agora a apenas um ponto do líder do campeonato, numa partida que fica indubitavelmente marcada por insultos racistas contra Marega, obrigando mesmo o avançado a deixar o relvado…

Numa partida em que são esperadas emoções fortes e dificuldades para os pupilos de Sérgio Conceição, o FC Porto foi ao reduto do Vitória de Guimarães vencer por 2-1 e duas jornadas volvidas está a apenas um ponto das águias, numa semana em que também têm jogo para a Liga Europa.

Sérgio Oliveira abriu o marcador no Dom Afonso Henriques, um tiro do jogador portista… que vai à barra e ainda é desviado por Douglas para o interior da baliza. O Vitória igualou no segundo tempo, com Bruno Duarte a fazer o 1-1, de cabeça, aos 49 minutos. Moussa Marega fez o 2-1 final aos 60′, ele que viria a sair do relvado pouco depois, por vontade própria, devido a insultos racistas vindos da bancada.

FC Porto a um ponto do líder Benfica

Antes do jogo no Dragão a distância pontual entre Benfica e FC Porto era de sete. Depois de uma derrota inesperada do Benfica, frente ao Sporting de Braga, no estádio da Luz, o FC Porto não desperdiçou este domingo a possibilidade de se colar às águias na liderança do campeonato. Os dragões estão, assim, a um ponto do líder Benfica.

Numa partida em que são esperadas emoções fortes e dificuldades para os pupilos de Sérgio Conceição, há também algumas dúvidas sobre que onze irão apresentar os dragões numa semana em que também têm jogo para a Liga Europa.

Estádio D. Afonso Henriques :: 21.ª jornada :: V. Guimarães-FC Porto, 1-2

FC Porto: Marchesín; Corona (Nakajima, 84m), Mbemba, Marcano e Alex Telles; Uribe, Sérgio Oliveira, Luís Díaz e Otávio (Diogo Leite, 88m); Marega (Manafá, 75m) e Zé Luís.
Suplentes: Diogo Costa, Manafá, Diogo Leite, Romário Baró, Aboubakar, Nakajima e Vítor Ferreira.
Treinador: Sergio Conceição.

O Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol nomeou Luís Godinho para apitar a partida. O árbitro, da Associação de Futebol de Évora, teve como assistentes Valter Rufo e Luciano Maia, David Silva foi o quarto árbitro. No videoárbitro esteve Nuno Almeida, auxiliado por Venâncio Tomé.

+ info: Antes do jogo no Dragão a distância pontual entre Benfica e FC Porto era de sete. Consulte todos os detalhes da 21.ª jornada
do Campeonato de Portugal do futebol masculino.

Notícias Populares