Champions tira força ao Dragão que sofre a primeira derrota da época


O FC Porto entrou com o pé esquerdo na Champions, na 1.ª jornada da fase de grupos, os dragões foram derrotados por um Besiktas que entrou no Dragão com a lição bem estudada…

FC Porto recebeu o Besiktas e encaixou uma derrota com golos de Talisca, Tosun e Babel. O resultado (3-1) registado afigura-se como pesado, mas a verdade é que o FC Porto não teve arte nem engenho para contrariar o estilo de jogo dos turcos.

A bomba de Tosun regista-se como um momento muito importante na partida. O FC Porto tinha acabado de empatar, quando o avançado turco decide rematar para um verdadeiro golaço que nada, nem ninguém, poderia impedir.

Os dragões na segunda metade pressionaram, mas o Besiktas não se perturbou com a pressão, manteve uma postura fria e o modo de contenção até ao apito final, não hesitando em queimar tempo aquando das faltas e em partir para o ataque apenas pela certa.

No final da partida, Sérgio Conceição não se escondeu e assumiu que a exibição ficou muito aquém do esperado mas que o único culpado era ele próprio. A abordagem, a forma como o Besiktas jogou solto e livre, são prova de que, de facto, o FC Porto foi derrotado não só pelo mérito do adversário, mas também por demérito próprio.

Foi a primeira derrota dos Dragões face a um adversário turco, em partidas oficiais. Na próxima jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões 2017-18, a 26 de setembro, há uma deslocação ao Mónaco.